Pós-Carnaval: hora de iniciar a operação Tapa-Olheiras!

Depois da maratona de Carnaval, não tem jeito: as olheiras aparecem ou se agravam — caso você já conviva com essa questão no dia a dia.

Mas antes de tratar especificamente das olheiras, meu conselho é hidratar muito bem a pele do rosto inteiro. Especialmente se você curtiu intensamente a folia, deve ter ficado exposta ao calor, ao sol, fora o cansaço físico… Então comece seu ritual com uma hidratação mais poderosa.

Recomendo o uso de máscaras coreanas hidratantes (existem várias e são ótimas) ou da Masque Eclatane, do Jacques Janine, que é maravilhosa. Feito isso, vamos às dicas de como amenizar as olheiras:

1- Escolha um hidratante apropriado para a área dos olhos. Minha dica é o Pep Start, da Clinique, que adoro. Enquanto estiver espalhando o produto, aproveite para massagear a região com suaves pressionadas em torno dos olhos, o que irá ativar a circulação.

2- Acerte o tom do seu corretivo. Escolha a cor exata da sua pele: nem mais clara nem mais escura, porque senão irá evidenciar ainda mais as olheiras. E o único jeito de acertar isso é, antes de fazer a compra, testar sobre as olheiras e conferir em luz natural se o produto some.

3- Fuja dos corretivos pesados. O melhor é usar esse produto na textura líquida ou cremosas ultrafina, porque não correrá o risco de marcar as linhas de expressão em torno dos seus olhos.

4- A aplicação de corretivo deve ser feita após o uso da base — que você também irá passar na região das olheiras. Não é que esteja errado aplicar o corretivo antes (vários profissionais fazem desse modo), mas eu prefiro deixar para depois que a base já foi bem espalhada na pele, porque fica melhor para saber qual é a intensidade ideal da cobertura que você precisa no local, evitando excessos que deixam a pele sob os olhos com aquele aspecto pesadão.

5- O melhor jeito de aplicar  o corretivo é dando suaves batidinhas com o dedo anular, porque isso garante que o produto será depositado na pele, garantindo melhor cobertura. Não se esqueça de também fazer a aplicação nos cantinhos internos dos olhos e, caso seja necessário, nas pálpebras.

Após a operação Tapa-Olheiras, escolha se vai querer fazer um make bacana ou se vai, simplesmente, deixar a pele mais natural para dar um pouco de descanso a ela.

Foto: Bruno Bralfperr/ Modelo: Pietra Sell (Oxygen Model)

 

Compartilhe:
Eliana

Esse conteúdo também pode te interessar

Sobre a Chloé

Trabalho como make-up artist há 12 anos e também sou consultora de imagem. Atualmente, sou Diretora Artística da rede de salões de beleza Jacques Janine e dou cursos de maquiagem na Escola Madre. E decidi criar este site e minhas redes sociais para compartilhar tendências de make-up e técnicas de maquiagem (que aprendi e continuo aprendendo) para valorizar os diferentes estilos de beleza de cada mulher.

fb.com/ChloeGayaOficial